domingo, 4 de abril de 2010

Africa minha

Esta noticia não é de todo merecedora de qualquer comentário adicional, mas como muido impulsivo e guloso, não resisti.

Ola Dakar..... terra "mai Linda", como os rallyes e tal, com os jipes a passar, e motas, e camiões, e.... A ESTÁTUA DO RENASCIMENTO AFRICANO.

Será que estes tipos não se tocam? Será que são burros, ou cegos, ou têm um atraso mental qualquer?

Fiquem então a saber que meia dúzia de imbecis Senegaleses, responsáveis pela governação deste pobre país Africano gastou qualquer coisa como 20 milhões euros com este trambolho de 49 metros, composto por 22 mil toneladas de bronze que demorou uns meros 2 milhões de horas a construir.

Este imponente insulto à condição sub-humana a que está sujeita boa parte dos senegaleses consegue ser maior que a estátua da Liberdade em NY e o seu investimento seria suficiente para construir cerca de dez hospitais...

Fiquem com esta ideia "mai linda" neste dia em que nosso senhor recuscitou, e como tal fui obrigado pela minha culura retrógada a beijar uma cruz que todas a velhas da aldeia babaram, de forma a poder entrar no paraíso no dia do julgamento final...

São assim os dias de um temente a Deus

quarta-feira, 31 de março de 2010

Ola meus queridos...

Ola meus queridos...ahhh quantas saudades deste filho pródigo...e malandro

é já cansado, com umas olheiras escondidas por debaixo de um café duplo, que dou por mim melancólico a questionar-me vezes sem conta "o que é feito do João que via em pormenores do quotidiano "a coisa mai linda", que intercalava pensamentos avulsos sobre banalidades, com o desejo de se tornar imortal, tendo sempre como ultima finalidade poder navegar em manobras de dialética de trazer por casa...ahh que coisa mai linda

já me tinha esquecido de como é linda a coisa mai linda... como é uma criança, como é irresponsável...

Espero que este ímpeto não seja tão fugaz como uma tremenda vontade de cagar.... que após a diarreia fique uma nova vontade de mergulhar na latrina e de "vorrar" "vorrar"... até intupir o esgoto com trampa do meu pensar.

É com esta imagem "mai linda", e castanha, que vos deixo, com um peidinho ou outro, com promessas de voltas de beijos

A coisa mai linda é que é!!

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Não chore mais!

Hoje cheguei a casa, vesti uns calções uma t-shirt e umas sapatilhas, pus o cronometro no pulso. Desci as escadas aos saltos e ao passar pela sala sentei-me no sofá....

Ainda aqui estou. Sentado, a comutar atençao por uma cerveja fresca, a televisão ligada, uma sande de bacon e queijo e o computador - que neste momento toca Nelly Furtado com o Timbaland...

Há planos brilhantes, saudáveis, lindos que ficam muita vez pelo caminho. Não especificamente por falta de vontade ou gosto. Às vezes é uma gaja. Às vezes é um sofá. À vezes um bom futebol ou daqueles programas do Discovery. Só porque a vida é "coisa mai linda" e um gajo tem que a desfrutar com atenção, com dedicação! De cu a mecher ou de cu sentado!



Coisa mai linda!

domingo, 22 de março de 2009

Falar espanhol

Um dia um amigo disse-me que o espanhol é a língua em que falam os deuses.

Claro que este amigo tem ascendencia que fala a língua em questao, mas a verdade é que o espanhol é especial.
É uma língua forte, falada alto e entoada em emoçoes. Quase como cantada.

Mas o que mais me encanta é a forma como em menos palavras é dito muito mais. Poupa-se nos artigos e outros pormenores gramaticais e ataca-se o que se quer dizer, com força, alto, e com emoçao!

Entretanto dou por mim a esforçar um castelhano correto com uma dificuldade tremenda. Tenho alguma facilidade em falar um espanhol pensado em portugues mas quando tento pensar em espanhol esbarro-me constantemente! Se tropeçar na língua me fizesse caír já tinha o nariz a todo preto!
Por exemplo, em espanha este blogue chamar-se-ia "la cosa más bonita" ou simplesmente "de puta madre"?

Hoje disseram-me em conversa que falo um español tipo o Yoda, o que é qualquer coisa do tipo "Bonito o dia está" ou "estar o quarto-de-banho onde?". Lindo...
Claro que vou continuar a esbarrar a língua!

O resultado soluçado desta forma de comunicaçao é, ainda assim, muito mais elegante que essa entidade sonora que é o Portinhol!
Mas qual minha surpresa quando dou por mim a arranhar este arcaico idioma!?

Pensando na sonoridade da coisa, parece-me que tenho a soluçao.
Em termos forçadamente simplistas, parece-me que a chave se encontra na letra X.
Quem nao se lembra de aprender a escrever o X como uma junçao do S com o C, assim: SC.
Há duas formas correctas de pronunciar esta letra, emitindo um som uno ( EXACTO ) ou emitindo um som de cisao ( TAXI ).
Claro que há quem diga o som sempre da mesma maneira e, como qualquer bom portugues, tenha a noçao de que ninguém fala um português mais correcto que o seu, mas isso é outra estória...
É, segundo me parece, neste som do X em cisao que habita a arte de um belíssimo som espanhol!

Ou será apenas uma questao de penteado?

Que te cagas!

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

O Ciclone dos Açores

Eduardo Mourato


width="425" height="344">

Açores....

Terra maravilhosa, de naturais encantos, pastos a perder de vista de um verde não
agressivo às vistas, vacas que neles pastam, queijo que delas sobram, Pauleta que os promove.... e no final.........isto.

Este coisa esteve muitos anos no Canada!! Pensavam que era só a Nelly Furtado e o Sandro G que tinham o mundo da musica a seus pés!! eu sou uma galinha...a mãmã nao qué da....tu quere mamar nesta piiiiiiiii.... adoro esta cançonete, talvez bote a putete aqui num post futuro.
Mas o que realmente importa, é desfrutar deste mar dos Açores....ou The Blue Ocean.

Um forte abraço

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Enorme redação

Quando eu tiver um mano vai se chamar Herrar,

porque Herrar é o mano.

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Problema de base

É complexo ser coisa mai linda.
A coisa mai linda é algo extremamente definido misturado com a interminavel variabilidade. Sempre honesto.
Sempre próprio.
A coisa mai linda traz tranquilidade e conforto.

Sempre até hoje, até agora:




Nunca vi som tão belo provir de personagem tão perturbadora...
O que é aquele abanar tipo varas-verdes em versão cebola-mole?Qual terá sido o dia em que o Antony trocou as caixa de bolachas que devorava no sofá por numero igual de caixas de ácidos?
Será que a génese cereberal daquele som é em sapateado? Será que tem um xilofone e um martelinho em vez de cordas vocais? Será uma vontade de evacuar combatida com contracções desproporcionais? E ele está à procura de que? Do coelho que o leva ao País das Maravilhas? Da tulipa gigante que ele vai polinizar?
Eu não percebo!!

É mai lindo mas terrívelmente feio!


Nada me perturbava assim há muito tempo...